sábado, 16 de fevereiro de 2013

O Homem que acreditava no amor.....


Algures no Tempo!....Era uma vez...um Homem simples e humilde....que vivia na Ilha do Mundo!..Uma ilha onde havia imensa escuridão.....Não havia Sol!..O Sol tinha desaparecido...porque as pessoas tinham deixado de acreditar no amor!...

Todas as pessoas não!..Havia uma Homem diferente!..Ele acreditava! E, por mais que ouvisse, por mais que visse...ele recusava-se a deixar de acreditar no amor!..O Mundo girava por ele..girava sem parar! Luzes, vozes, uma dimensão humana que transcendia os próprios sentidos...Uma intuição que não cessa de cavalgar!....
Uma beleza intensa que se transformava em luz..Um coração que não parava de sentir!...Uma vida que não deixava de navegar...Um olhar que se perdia no coração...de quem um dia havia de chegar!....
O Mundo que girava...a vida que não parava...! As sensações que rodopiam...os sentimentos que viviam á superfície, num mar profundo desconhecido....
Um mar imenso imerso numa profundidade do ser...que se negava a revelara-se e a aflorar...
Um Sol desaparecido que não permitia que se visse a profundidade do mar...
As pessoas que se habituaram a viver e a sentir apenas na superficie do mar da vida...
Mas....o Homem humilde não desanimou....Dentro dele havia uma luzinha , trémula, que o orientava na escuridão ! Era a luzinha do acreditar...........
Um dia....decidiu atravessar o vento, de lés a lés, caminhar sobre as tempestades e furacões..
Um dia...decidiu cavalgar nas ondas do mar, trepar ás montanhas e mergulhar....
Um dia decidiu..que nadaria até á eternidade....
Um dia....decidiu que penetraria no olhar mais profundo....
Um dia....venceu barreiras e partiu....à procura do outro alguém....
Pegou no amor e transportou-o até á eternidade..Abriu estradas, venceu obstáculos...
Cansado de tanto caminhar....deixou-se dormir á beira da estrada....
Estava frio.....mas não teve frio....Estava escuro, mas não ficou na escuridão...Estava sózinho, mas não se sentiu só....
Dormiu nos braços de uma luz ....que o aqueceu e iluminou...Era uma estrelinha de luz...
Acordou e sentiu vontade de viver.....Acordou e sentiu vontade de amar....
Sentiu a presença de alguém....mas não a viu.....Alguém tinha estado com ele...o seu coração brilhava de vida....Alguém que desapareceu....alguém que amou.....
Do Homem humilde nunca mais ninguém ouviu falar....Fala-se que vive com o amor....Que encontrou o amor...em que tanto acreditava...que vive feliz para lá das montanhas na terra mágica do sonho e encanto....
 O amor verdadeiro  tudo mudou...o Sol voltou a aparecer na Ilha do MUndo...as pessoas estão a acordar....
Apenas porque um Homem acreditou no amor......

Site: http://anpera21.blogs.sapo.pt/31948.html

2 comentários:

  1. lindissimo querida e seu blog está espetacular, bjs sonia

    ResponderEliminar
  2. Neste dia de inverno friorento e meio chuvoso, passei por aqui, para lhe felicitar pelos trabalhos que tem publicado neste seu blog, especialmente, esta última postagem.
    Um abraço cá deste meu Algarve - Faro.
    http://umraiodeluzefezseluz.blogspot.com

    ResponderEliminar

Obrigado pelo vosso comentário.
Volte sempre.
Sissi